Às Mães… – poesia

Algumas mães vivem pouco, outras vivem mais,

Mas, acreditem, elas nunca vivem o suficiente!

Quando as mães partem,

Elas não vão embora completamente.

Continuam sendo o nosso porto seguro,

Uma luz a nos guiar,

Uma força estranha a nos abraçar.

E mesmo quando conhecem os segredos da vida,

Não nos revelam antes do tempo certo.

Estão sempre nos ensinando…mesmo que de longe…

Mães são seres especiais.

Podem morar perto ou mesmo distante,

E são o nosso primeiro contato com o mundo!

Por isso e muito mais elas merecem nossas homenagens

Em qualquer momento e lugar!

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s